Slide toggle

Administração

COMO ORGANIZAR AS ELEIÇÕES PARA SÍNDICO NO CONDOMÍNIO

O Grupo ATTA oferece Administração de Condomínios para que os moradores não precisem de um sindico local. Com isso o nosso serviços passa a cuidar do seu ambiente como um “Sindico Profissional”. Ligue para nós, iremos atende-lo com o maior prazer.

Os síndicos são as figuras de mais importância na administração de milhares de condomínios presentes em todo o Brasil. Mas pode chegar o momento em que talvez seja necessário que se tenha uma troca de síndicos no condomínio e é nessas horas que muitos que ainda não sabem como proceder com respeito a esse assunto se perguntam: Como que deve ser organizada a eleição para síndico no meu condomínio? Assim para que essa nova eleição seja organizada de forma ordeira é muito importante que alguns procedimentos sejam seguidos. Da mesma forma é importante enfatizar que as administradoras (se esse for o seu caso) solicitam um prazo de 30 a 60 dias para que seja finalizado a prestação de serviços.

Sendo assim realizar ao realizar uma troca entre as gestões do condomínio é importante que se tenha muita tranquilidade tanto para quem há de deixar o cargo quanto para quem irá assumir ele. Nessas horas é muito importante que se tenha uma boa conversa entre ambas as partes para que se esclareça qualquer dúvida que assim possa surgir. Assim ao realizar a troca de síndicos, o anterior deve entregar todos os documentos à sua administração. Da mesma maneira, citamos abaixo alguns procedimentos importantes para que seja organizada a troca de síndicos do condomínio:

·  É costumeiro que, ao entregar a pasta com todos os documentos, osíndico elabore uma carta com toda a relação de tudo que está sendo entregue, e protocole para que não haja erro ou perda de algum documento;

·  Não seria correto ao deixar o cargo o síndico manter algum documento com ele;

·  Ao se constatar irregularidades na documentação da gestão anterior, deve-se pedir esclarecimentos ao síndico responsável por tais erros;

·  Se não houver nenhuma justificativa plausível, leva-se a questão ao Conselho;

·  Sendo comprovado que o erro poderá ser reparado e não houve má fé, fica resolvido, caso contrário deve-se convocar uma assembleia;

·  A assembleia aprovando, o condomínio entra com uma ação contra o síndico anterior;

COMO SABER SE ESTÁ NA HORA DE TROCAR DE SÍNDICO?

Sabemos que problemas com síndicos que não sabem administrar bem o condomínio é bastante comum nos dias de hoje, pois alguns estão no cargo de síndico de um determinado condomínio, mas não sabem por assim dizer fazer o carro andar pra frente. Sendo assim o que os moradores podem fazer quando existem casos assim no próprio condomínio? Como fazer uma assembleia para que a troca do mesmo seja realizada? E em quais ocasiões é realmente necessário que se troque de sindico?

A hora da troca de gestão no condomínio sempre pede muita atenção. É de grande importância que alguns procedimentos sejam feitos com cuidado. Quando existem casos como quando o síndico é negligente com respeito a assuntos do condomínio, falta de transparência, não prestar contas corretamente, não seguir ou não realizar as normas da convenção ou do regulamento interno os moradores podem tirar o sindico de seu cargo. Assim tirar o sindico do seu cargo não é uma missão impossível e nem ilegal, pois para que determinado procedimento seja realizado precisa somente que se obedeça a lei do Código Civil em seu artigo 1.349 que diz: “Art. 1.349. A assembleia, especialmente convocada para o fim estabelecido no § 2o do artigo antecedente, poderá, pelo voto da maioria absoluta de seus membros, destituir o síndico que praticar irregularidades, não prestar contas, ou não administrar convenientemente o condomínio.”

Dessa forma para que o sindico seja destituído de seu cargo, os moradores devem organizar uma assembleia extraordinária que pode assim ser organizada por um quarto dos proprietários do condomínio, que tenham suas obrigações em dias. Também no momento da convocação da assembleia é importante que se conste o “fim específico” em pauta. Assim para que seja realizada a destituição do síndico é preciso que se tenha a maioria dos votos como por exemplo nas eleições pela maioria dos presentes. É importante ressaltar também que acusações como calúnias, difamações e injúrias, contra o síndico ou membros do conselho, podem ainda render processos por danos morais para quem os pratica. Sendo assim para que o síndico evite que sua gestão em um determinado condomínio seja ruim, uma das alternativas para isso seria se o mesmo adquirir um software de gestão para síndicos e condomínios, no qual a administração e moradores vão ser auxiliados por todos os módulos que estes venham a conter.

COMO EVITAR CONFLITOS ENTRE MORADORES E FUNCIONÁRIOS DO CONDOMÍNIO

 

Sabemos que a convivência pacifica em condomínios nem sempre é a tarefa mais fácil de ser comprida, mas e quando não tem uma convivência pacifica entre os condôminos e moradores? O que deve ser feito tanto pelos moradores quanto pelos funcionários para que ambos fiquem em paz um com os outros? Alguns requisitos como saber administrar a convivência entre grupos diferentes de pessoas, respeitar o próximo e o seu espaço são muito importantes para que se possa ter harmonia no condomínio.

Assim todos sabemos que existem momentos em que não dá para evitar de pedir aquele favorzinho que sabemos que não pode ser feito, mas que mesmo assim pedimos para o porteiro ou o zelador fazer. Sendo assim tem aqueles funcionários que mesmo sabendo que determinado favor não pode ser feito o fazem, mas por outro lado tem também aqueles que não fazem esses tipos de favores e por isso alguns moradores podem as vezes ficar com raiva do mesmo e assim iniciar uma discussão entre ambos. Para que se possa evitar conflitos entre funcionários e condôminos é importante que os próprios moradores tenham consciência de que o condomínio é um local de moradia, mas que também para os funcionários é um lugar de trabalho no qual eles tem regras a seguir e não podem ficar fazendo coisas que não estão autorizados a fazer.

Por outro lado, o profissional que trabalha no condomínio deve sempre buscar uma solução para que se possa resolver os problemas de uma maneira pacifica e ordeira e cabe aos síndicos e administradoras estimular os trabalhadores a participarem de programas de treinamentos, assim como incentivar a leitura de manuais de informações de suas atribuições e obrigações, fornecidos logo que contratados. Assim um software de gestão de condomínios no qual os moradores ou funcionários possam registrar ocorrências de brigas ou qualquer outro tipo de ocorrência por meio da internet pode ajudar a resolver esses tipos de conflitos.

COMO EVITAR CONFLITOS ENTRE MORADORES E FUNCIONÁRIOS DO CONDOMÍNIO

DICAS PARA MANTER UMA BOA ROTINA DE LIMPEZA NO CONDOMÍNIO

Limpeza do condomínio. Sem dúvida quando se fala neste assunto sabemos que síndicos tem por assim dizer um pé atrás com respeito a este assunto. Uma das grandes dificuldades de síndicos de condomínios sem dúvida é como fazer a organização da limpeza do condomínio. É fato que para que se tenha um local limpo e economizando gastos e trabalho de equipe é necessário bons profissionais e acima de tudo um planejamento adequado para que o sindico organize um bom roteiro de limpeza em seu condomínio. Sendo assim o que os síndicos devem levar em consideração no momento em que estão organizando a limpeza do seu condomínio?

Certamente em primeiro lugar deve-se levar em consideração que o condomínio possui variados níveis de limpeza, que são eles: limpeza geral, limpeza de manutenção e limpeza de conservação. Sabemos que a mais ampla destas limpezas é a limpeza geral e essa exige muita atenção. Assim para ajudar na organização da limpeza geral um dos fatores que podem auxiliar seria se o condomínio possuísse um software de gestão de condomínios, no qual seria possível avisar os moradores do condomínio sobre a limpeza, por meio de e-mail ou mensagens de WhatsApp, de um modo que seja rápido e fácil.

Assim para que se possa organizar uma boa rotina de limpeza em seu condomínio, síndicos devem levar em consideração também os horários recomendados para fazer a limpeza em determinados locais, o número de funcionários, a variedade de pisos e assoalhos do condomínio e os produtos de limpeza que devem ser usados na limpeza. Agindo assim e seguindo dicas como essas certamente os síndicos conseguirão organizar uma boa rotina de limpeza em seu condomínio.

 

IMPORTÂNCIA DA LIMPEZA NO CONDOMÍNIO

Ter um local de moradia limpo é essencial para uma boa saúde e uma boa convivência, por isso que é de grande importância que o condomínio sempre esteja de maneira agradável, para que todos possam assim ter uma boa convivência naquele local. Mas dessa maneira, como você pode colaborar para a limpeza do seu condomínio? Como que síndicos e administradores podem por assim dizer, fazer com que todos no condomínio colaborem para a limpeza do mesmo?

Sem manter o condomínio limpo e organizado pode ser que alguns moradores venham a reclamar do problema de limpeza, e a administração pode ser responsável por isso. Portanto para que se possa manter os diversos ambientes do condomínio limpos, otimizando gastos e tempo, é preciso, além de bons profissionais, ter um excelente planejamento. O software de gestão de condomínios Seu Condomínio visa auxiliar síndicos para ter uma boa limpeza do condomínio e dessa forma para que o condomínio tenha uma boa organização e possa manter um bom cronograma de limpeza vamos dar algumas dicas que podem servir de grande ajuda. Veja.

Primeiramente é necessário que antes de realizar a compra dos materiais para limpeza, o sindico saiba os diferentes tipos de limpeza aplicados em condomínios, que são limpeza geral, manutenção e conservação. Dessa forma áreas bem utilizadas por moradores, como os elevadores e a garagem, podem ser limpas em horários que tenham menos movimento de pessoas. Mas que horários são esses? Esses horários são no meio da tarde durante a semana ou em fins de semana pela manhã. Algumas medidas de economia podem resultar em prejuízos. Consultar sempre os funcionários da limpeza na hora de comprar alguns produtos é de grande importância, pois eles sabem indicar a quantidade ideal de produtos. Pisos frios exigem menos produtos, assim como carpete de madeira. Já pisos de madeira maciça e pedras, como mármore e ardósia precisam de mais cuidados. É importante que se dê atenção a esses fatores.

————————————————————————————————————————————–

A importância do controle de acesso em condomínios

Qual a importância de ter controle de acesso em seu condomínio? Mas o que é controle de acesso? O controle físico de acesso pode ser obtido através de pessoas (um guarda, segurança ou recepcionista); através de meios mecânicos como fechaduras e chaves; ou através de outros meios tecnológicos, como sistemas baseados em cartões de acesso, e este é o tipo que são usados na maioria dos condomínios. Mas aí surge a dúvida, como o controle de acesso pode cada vez mais deixar o condomínio seguro? E qual a importância do controle de acesso no meu condomínio?

Este tipo de tecnologia aumenta a segurança no condomínio pois em lugares com um grande fluxo de pessoas, que é nos casos de condomínios, os cuidados com a segurança são sempre redobrados, e por isso é preciso que se saiba quem está circulando pelo condomínio e por onde cada pessoa passou e é também por esse motivo que se torna importante as soluções inteligentes de segurança eletrônica. Dessa forma saber quem entra e quem sai do condomínio é de grande importância tanto para a segurança quanto para a organização do mesmo.

Sendo assim um software de gestão para condomínios pode contribuir para a segurança de determinado ambiente. O síndico pode assim obter um sistema que se adéqua à vários tipos de situações. Um sistema que gerencie o controle de acesso às portas, cadastre todas as pessoas no qual ele tenha acesso a todas as movimentações dentro do condomínio e assim venha a aumentar a sua segurança, e levar comodidade e praticidade para dentro de seu condomínio.

A importância do controle de acesso em condomínios

O PROBLEMA DE INSEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS

O problema de assaltos a condomínios não é nenhuma novidade para ninguém, pois todos sabemos que sempre que acontece este tipo de situação em um determinado condomínio, e falhas que podem ter facilitado a ação dos bandidos são descobertas. Algumas falhas como: cercas elétricas desligadas, circuitos de monitoramento sem fitas e algumas outras falhas que são humanas, como por exemplo o porteiro que deveria estar na guarita, mas que não estão e até mesmo porteiros que abrem os portões para quem não deveria. Sabemos que todos estes problemas que contribuem para todos os episódios de assaltos a condomínios já deveriam ter sido superados, mas como sabemos ainda existem casos como estes e que dessa forma faz com que os condôminos fiquem com uma grande insegurança. Já se deparou com uma situação assim? Seu condomínio encontra-se dessa maneira, com uma grande insegurança? Veja algumas dicas para acabar com essa sensação de insegurança dentro de seu condomínio.

Um exemplo real do que aconteceu em um condomínio de luxo na Bahia retrata bem o quadro de insegurança em condomínios, uma família foi mantida refém por alguns bandidos por duas horas e em sua fuga os ladrões ainda realizaram um sequestro relâmpago de uma jovem de 23 anos. Este exemplo mostra que este problema de insegurança dentro e fora dos condomínios ainda é existente. No entanto este problema acaba por si afastando algumas pessoas que pretendem se mudar para estes locais em busca de mais segurança para a sua família. Mas como que administradores, porteiros e moradores podem evitar a insegurança nos condomínios?

Sabemos que alguns condomínios tem um forte sistema de segurança com câmeras de monitoramento 24 horas, guarita e até mesmo monitoramento armado durante o dia todo. Em alguns condomínios de acordo com os próprios moradores o gasto anual com a segurança chega a ser de por volta de 2 milhões de reais, mas não basta somente investir em segurança para que a insegurança em condomínios venha a acabar, além de tudo isso é necessário que os próprios moradores venham a contribuir com a segurança do condomínio.

O PROBLEMA DE INSEGURANÇA EM CONDOMÍNIOS

COMO CONTRIBUIR PARA QUE A SEGURANÇA DO CONDOMÍNIO VENHA A AUMENTAR

Sabemos que a segurança é um dos fatores mais importantes para quem busca adquirir um imóvel em um condomínio. Hoje existem diversos sistemas que aumentam a segurança nos condomínios e estes sistemas vão desde sistemas com câmeras de monitoramento a acesso por meio de biometria. Todos estes sistemas são de grande importância para a segurança de todos que estão no condomínio, mas um leve descuido pode pôr tudo a perder, pois uma falha na portaria poderia abrir as portas para que assaltantes entrem no condomínio e façam o limpa nos apartamentos. Assim todos sabemos que a parte mais relevante do condomínio é a portaria e por isso é importante que os porteiros sempre fiquem atentos. No entanto como todos podem colaborar para que a segurança do condomínio sempre possa prevalecer? Algumas dicas podem servir de grande ajuda para todos que estão em um condomínio contribuir para segurança, veja.

Para que todos possam colaborar para a segurança no condomínio é necessário que:

· Se participe ativamente das reuniões referentes à segurança, inclusive fazendo parte das comissões ou conselhos de segurança do seu condomínio;

· Participe ativamente das reuniões referentes à segurança, inclusive fazendo parte das comissões ou conselhos de segurança do seu condomínio;

· Traga sempre informações sobre assuntos relativos à segurança, pois suas sugestões são valiosas para o aperfeiçoamento e atualização da proteção de todos;

· Colabore com o síndico e demais moradores na formação de medidas que garanta a eficácia de todo o sistema de controle a ser implantado;

· Compreenda e elogie as ações preventivas dos funcionários, pois, além de estarem cumprindo ordens, visam garantir a segurança do condomínio, mesmo quando estas atitudes representem algum transtorno para si ou para suas visitas;

· Não se exponha desnecessariamente; somente desça à portaria quando o assunto lhe for pertinente;

· Avise a portaria para que receba suas encomendas, enviando-lhes o cheque ou dinheiro para o pagamento, se for o caso;

· Evite comentar sobre sua vida íntima, seus bens, patrimônio e ganhos na frente de estranhos ou até mesmo de funcionários;

Contudo existem bastantes dicas para que se possa colaborar com a segurança em condomínios, e que se forem seguidas de perto por todos o condomínio vai ter muita segurança e bem-estar para todos moradores. Dessa forma a segurança é muito importante quando se fala sobre condomínios e por esse motivo não deve ser deixado em último assunto este tema importante.

COMO CONTRIBUIR PARA QUE A SEGURANÇA DO CONDOMÍNIO VENHA A AUMENTAR

Férias em Condomínios: Como Manter as Crianças Ocupadas

Com o início do período de férias que já se iniciou, o fluxo de crianças nos condomínios só aumenta e com isso as crianças que ali moram no condomínio, só querem se divertir e brincar, mas existem condomínios que não tem algumas opções de lazer como playground e quadra esportiva. Dessa forma, em condomínios que não tem a disposição tais áreas de lazer como essas citadas acima, não restam muitas alternativas, principalmente se família não tem muito dinheiro, ou se os pais estão trabalhando.

Mas para tentar reverter essa situação um pouco tediosa, em alguns condomínios, os síndicos e moradores tem se dedicado para organizar atividades recreativas para as crianças. Uma das opções que está sendo bem usada por condomínios é contratar uma empresa que alugue brinquedos de festas infantis. Empresários nesse ramo afirmam que alguns brinquedos como cama elástica, piscina de bolinha, guerra de cotonete e tobogã são alguns dos mais alugados para condomínios. Essas opções trazem alivio e a certeza para os pais, de que os seus filhos estarão seguros e ocupados já que eles estarão dentro do condomínio e fazendo atividades monitoradas.

Dessa forma, essas alternativas são para as crianças uma ótima oportunidade de fazerem novas amizades e participarem de brincadeiras estimulantes, contudo em condomínios que não tem a disposição áreas de lazer para as crianças é importante que se procure algumas alternativas como essas para que sejam supridas as necessidades de diversão que as crianças possuem.

Dicas para manter o condomínio seguro mesmo em férias

Em época de férias, muitos se concentram em preparar a sua viagem e se esquecem das medidas práticas que necessitam ser observadas em casa para que se possa evitar dores de cabeça. Com o início das férias escolares muitas famílias se preparam para poder sair de férias. Sem dúvida essa é uma época do ano muito boa, mas é preciso que se tenha cuidados para que se possa garantir a segurança no imóvel que vai ser deixado vazio durante a viajem.

Uma das medidas que podem ser tomadas para que se possa garantir a segurança do apartamento é suspender a entrega de jornais diários. Manter os dados do morador e os telefones de emergência atualizados junto à administradora e evitar deixar chaves com outras pessoas são dicas que podem servir de ajuda para manter o imóvel em segurança enquanto viaja. Uma das maneiras em que o dono do apartamento pode aumentar o risco de arrombamentos no seu apartamento, é por dizer para todos os vizinhos e funcionários que vai sair de viajem por alguns dias, no entanto o melhor que se tem a fazer é sempre ser discreto quando for tirar férias.

Também alguns outros cuidados importantes no que diz respeito ao apartamento são de grande importância e não podem ser deixados de lado. Cuidados com respeito à manutenção do apartamento, não deixar louças sujas ou lixos nas lixeiras para que não atraia insetos ou provoque mal cheiro no condomínio. Para que se possa evitar vazamentos de água ou de gás, é recomendado que se feche os registros no condomínio. Assim seguindo de perto essas dicas de segurança, pode sair de férias com uma tranquilidade a mais, tendo a certeza de que o apartamento vai estar seguro no momento da viagem.