Slide toggle

Com a chegada do verão somos incentivados a praticar exercício físico ao ar livre. Nada melhor do que fazer uma caminhada na praia, uma corrida no calçadão ou até mesmo um pedal. Porém, começar ou até mesmo mudar a nossa rotina para esses exercícios ou para outros, devemos ter um preparo adequado para não desenvolvermos uma série de problemas. Dores musculares prolongadas, inflamações musculares, distensões, contraturas, além de queimaduras, insolação e desidratação decorrentes a pratica ao exercício somado com a excessiva exposição ao sol são as adversidades mais comuns.

Vale lembrar para algumas precauções que devem ser tomadas nessa época do ano. Dentre deles, escolha uma roupa leve que ajude ao seu corpo resfriar, fuja de roupas que façam seu corpo superaquecer ainda mais, isso influencia no processe da desidratação, tênis confortável que possibilite um conforto na caminhada ou corrida, óculos escuros e protetores solar que ajudam a afastar o calor e proteger contra os raios ultravioletas. Não podemos esquecer a hidratação! A partir do momento que iniciamos o exercício físico a temperatura corporal eleva junto com ela fazendo com que o corpo perca mais água e sais minerais. Outra dica é optar pelos melhores horários para o treino ao longo do dia. O mais indicado é se exercitar nos períodos da manhã e da noite, pois a poluição e o calor diminuem significativamente. Em questão de alimentos, prefira os alimentos de fácil digestão, como frutas, vegetais e carnes magras, evitando doces e gorduras. Tudo ajuda ou atrapalha no seu desempenho no exercício então cuide-se! Considere o nível do seu preparo físico e aproveite o treino.

———————- || ———————-

Por Douglas Apolinário

Personal Trainer & Educador Físico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *