Slide toggle

 

Se tem um assunto que faz surgir duvidas na vida de quem vive em condomínios, sejam eles horizontais e verticais, é a relação entre moradores e funcionários do prédio. Estes funcionários podem ser porteiros, zeladores ou seguranças do condomínio e que estão presentes na vida de quem mora no condomínio e são grande importância para o bom funcionamento da estrutura.

Sendo assim a relação do condômino com o empregado do condomínio é diferenciada. O colaborador tem o sindico como o seu patrão, mas acaba tendo que responder aos outros moradores. Assim todos são donos do edifício. Portanto por ser uma relação bem próxima, na qual há casos em que os funcionários dormem no condomínio, essa situação acaba por si ultrapassando o local de trabalho. Dessa forma, como representante do condomínio, o síndico é quem tem a maior autoridade sobre os funcionários. É ele quem vasculha a prestação de serviços dentro do edifício. Portanto é de responsabilidade do sindico fiscalizar, gerir e direcionar a apresentação do trabalho.

Um outro assunto que produz muita discussão e polêmica é a realização de serviços particulares ou pessoais dos moradores. Na opinião de uma advogada da Secovi, não tem nenhum problema nesse tipo de serviço, desde que este seja realizado durante seu horário regular de trabalho. Ela ainda dá a orientação que o empregado do condomínio foi contratado para atuar pelo condomínio e não para atender necessidades pessoais. Portanto se ele cumpriu sua carga horária de trabalho, a Justiça entende que não tem problema algum em realizar outros serviços.

Funcionários e moradores do condomínio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *