Slide toggle

Todos os lugares estão propícios a desastres, até mesmo os condomínios. Por isso, é importante ficar atento para evitar que o mesmo aconteça. Uma das principais causas de incêndios em condomínios são os curtos circuitos, relacionados a cabeamentos inadequados e ligações de fios erradas. Diversos tipos de aparelhos ligados na mesma tomada podem apresentar um perigo, pois ele consome muita carga. Em um incêndio causado por uma sobrecarga o correto é tentar combater o fogo por um extintor específico para a rede elétrica, não se deve jogar água, pois poderá provocar mais faíscas, podendo até mesmo provocar choque.

Dessa forma quando ocorrer incêndios é preciso muita calma, ligar para o 193 que corresponde ao Corpo de Bombeiros é o mais correto e, se possíveis todos devem deixar o local. É importante para que se evite incêndios adotar alguma dicas como: tomar cuidado com panelas no fogo, ficar sempre de olho, papéis de alumínio nunca devem ser levados ao micro ondas, caso sinta cheiro de gás não acenda a luz, pois se houver vazamento poderá criar faíscas e promover uma explosão, a fiação deve sempre ser mantida isolada e em bom estado, não deixar velas acesas se não for necessário, não sobrecarregar tomadas com muitos equipamentos potentes pois isso pode causar uma sobrecarga na fiação.

Portanto é importante saber que todos os condomínios são obrigados a terem uma brigada de incêndio, de acordo com o artigo 24 da legislação estadual de São Paulo (Decreto 56.819/2011) para prédios residenciais com mais de 750 metros quadrados de área ou para edifícios com metragem inferior caso promovam reuniões públicas. Sem a brigada de incêndio não existe a liberação ou renovação do Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB), e não tem o pagamento de indenizações pelas seguradoras. A brigada deve fornecer curso com duração de 4 a 12 horas, com aulas práticas e teóricas sendo de mera importância em casos extremos, ajudando a combater o fogo e alertando os moradores antes que os Bombeiros cheguem ao local.

DICAS PARA EVITAR INCÊNDIOS EM CONDOMÍNIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *